Pular para o conteúdo principal

Punição de Suárez é a mais severa da história das copas

Internautas brincam com o caso - Fonte: Fã page do CDF
Luis Suárez está fora da Copa do Mundo-2014. Acusado de morder o zagueiro italiano Giorgio Chiellini, o atacante da seleção do Uruguai foi punido nesta quinta-feira pela Fifa com uma suspensão de nove partidas. Como o máximo que a Celeste ainda pode disputar nesta edição do Mundial são quatro jogos, o camisa 9 não poderá mais atuar. 
Suárez foi enquadrado em dois artigos do Código Disciplinar da Fifa: o 48 e o 57. O primeiro diz respeito a condutas impróprias contra adversários, e o segundo descreve comportamento andidesportivo."Este tipo de comportamento não pode ser tolerado em nenhum campo, particularmente na Copa do Mundo, com olhares de milhões de pessoas. O Comitê Disciplinar levou em consideração todos os fatores e o comportamento de Luis Suárez", afirmou, em nota, o presidente do Comitê Disciplinar, Claudio Sulser.
Em comunicado, a Fifa mencionou que o banimento se refere, inclusive, a processos administrativos referentes a futebol. Apesar disso, Suárez não está impedido de transferir-se para outro clube na próxima janela europeia.
A porta-voz da entidade, Delia Fischer, confirmou que o jogador e a Federação Uruguaia podem entrar com recurso na Corte Arbitral do Esporte (CAS), em Lausanne, na Suíça, e tentar "congelar" a suspensão enquanto o caso é julgado em segunda instância. O Liverpool, que perderá sua principal estrela por nove partidas do Campeonato Inglês e pelos três primeiros jogos da Champions League, não pode ser formalmente envolvido no caso.

Comentários