Pular para o conteúdo principal

Pau dos Ferros: Em meio a protesto e baixaria, vereadores aprovaram o projeto de lei que autoriza contratação de funcionários sem concurso publico

Imagem: blogpoliticapauferrense



Na sessão extraordinária da Câmara Municipal de Pau dos Ferros, realizada nesta terça-feira (07), os vereadores Antônio Avelino (PP), Eraldo Alves (PSD), Bolinha (PSD) e Kasumaro Kened (PMDB) ignoraram os inúmeros apelos feitos pelos aprovados no último concurso público do município e, vergonhosamente, aprovaram o Projeto de Lei Nº 1695/2016. Com isso, os edis situacionistas liberaram o prefeito Fabrício Torquato (PSD) para efetuar a contratação temporária de mais 39 servidores, inchando ainda mais o quadro de pessoal da prefeitura que atualmente conta com 232 funcionários comissionados e 162 servidores contratados. 

Desta forma, com a chegada de mais 39, serão 433 funcionários amparados por indicações políticas, sendo que 783 servidores compõem o quadro efetivo, apesar do município ter extrapolado o limite máximo de gastos com o funcionalismo, descumprindo totalmente a Lei de Responsabilidade Fiscal (Veja AQUI). 

Votaram de forma contrária ao referido projeto de lei os seguintes vereadores: Gugu Bessa (DEM), Renato Alves (DEM), e o Gordo do Bar (DEM). 

A vereadora Tércia Batalha (PPS) esteve ausente na sessão. O presidente da Casa, vereador Gilson Rêgo (DEM), só poderia votar nesta matéria em caso de empate.

Todavia, esta novela não terminou na sessão de ontem, como alguns incautos possam imaginar. Segundo informações, os concursados estão se organizando para provocar uma enxurrada de mandados de segurança contra o município visando a convocação para os cargos que constam no projeto de lei aprovado.

Além disso, o Ministério Público será provocado a interferir na situação, já que existe um entendimento no meio jurídico de que os gestores devem priorizar as contratações efetuadas através de concurso público em detrimento daquelas que podem sofrer interferências políticas.
 
E o desrespeito não para por aí...

Ainda sobre a sessão de ontem o Blog Politica Pauferrense divulgou relatos que, logo após o encerramento da sessão extraordinária da Câmara Municipal de Pau dos Ferros, uma cena deprimente (para não dizer ridícula) teria sido patrocinada por uma secretária do prefeito Fabrício Torquato (PSD).

Pelo que nos repassaram, assim que foi consolidado o resultado favorável ao Chefe do Poder Executivo na votação do Projeto de Lei que beneficia os apaniguados políticos do gestor e, lamentavelmente, prejudica os aprovados no último concurso público que ainda não foram convocados, uma secretária do município teria se descontrolado emocionalmente e resolvido desferir inúmeros gestos obscenos na direção dos concursados, numa ação intempestiva que reflete bem o estado de espírito vivenciado no grupo situacionista.
 
As informações são do blog http://politicapauferrense.blogspot.com.br/

Comentários