Pular para o conteúdo principal

Sindipetro pede na justiça anulação do leilão do Campo de Libra

O Sindicato dos Petroleiros (Sindipetro) entrou nesta segunda-feira (21) com uma ação na Justiça Federal do Rio Grande do Norte (TJRN), na qual pedia, liminarmente, a suspensão do leilão do Campo de Libra e, no mérito, a anulação do referido leilão. A ação foi protocolada ontem às 12h58, uma hora antes do horário previsto para o início do leilão, pelo horário local o evento começou às 14h. O Juiz Federal Ivan Lira de Carvalho, titular da 5ª Vara, avaliou que a petição não reunia elementos suficientes para o deferimento da liminar, razão pela qual foi solicitada a manifestação da União no prazo de 72 horas.

Após a apresentação dos argumentos da União, o Juiz Federal dará prosseguimento ao processo, já que o pedido de liminar está prejudicado, fato que o leilão ocorreu na tarde de ontem. O pedido do Sindipetro é para invalidar o leilão e os atos subsequentes, como assinatura dos contratos e continuidade da operação do Campo de Libra.

Comentários