Pular para o conteúdo principal

Bahia: 'Fomos fazer uma oração e perdemos a hora', diz mãe de atrasada no Enem

Adriele Almeida (banco de trás)e sua mãe. foto-G1


Os portões dos locais de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) fecharam às 12h (horário local) nas cidades da Bahia. No Colégio Estadual Luiz Viana Filho, em Salvador, a candidata Adriele Almeida, 16 anos, chegou atrasada. Ela preferiu nem sair do carro quando observou o portão da escola fechado. A mãe da estudante, Simara dos Santos, conta que a família se atrasou porque foi fazer uma oração para Adriele. "Fomos fazer uma oração e eu perdi a hora", disse.

 Petrônio Borges foi de moto até o Colégio Luiz Viana para levar os documentos do irmão Alexandre Santos, que foi fazer as provas do Enem mas esqueceu a documentação em casa. O documento foi entregue pelo portão. Petrônio disse que o irmão percebeu a falha quando pouco antes da prova começar. "Ele chegou aqui antes do portão abrir. Ainda bem que deu tudo certo", comemorou.
Petrônio Borges e Alexandre Santos. foto-G1


Minutos antes do portão da escola fechar, a correria de candidatos na rua era grande. Teve gente que pegou mototáxi para ser mais rápido e conseguiu chegar a tempo. Os portões foram abertos às 11h do horário local e fecharam 12h, quando as provas começaram a ser aplicadas.






Informações do G1/Bahia

Comentários