Pular para o conteúdo principal

TV: Datena quebra contrato com a Record e volta para Band

Menos de dois meses depois de assinar seu contrato com a Record, José Luiz Datena resolveu voltar para a Band, sua antiga emissora. As informações são da coluna de Flavio Ricco. O jornalista deve entregar a carta de rescisão logo após a apresentação do último “Cidade Alerta”.
Desde que assinou o retorno para a Record (o contrato era válido por cinco anos), as confusões começaram. Datena não estava satisfeito com alguns detalhes e demonstrou isso sem medo, o que fez com que o canal lhe proibisse de dar entrevistas.
A “mordaça” só piorou a relação entre as partes. Como a conversa com a Band estava adiantada – desde quando colocou os pés para fora -, a volta é algo natural. Datena deve voltar ao comando do “Brasil Urgente” em breve. Luciano Faccioli, que ficou em seu lugar, ainda não tem posição definida, mas não deve ser demitido.

GOLPE DE MESTRE!

Se tudo se confirmar, a Record terá de amargar um prejuízo de mais de R$ 15 milhões --que era o valor estimado que Datena lhe devia por causa de outra rescisão, em 2002.

 Datena e Record selaram este mês, em cartório, o perdão integral da dívida que o apresentador teria -- perdeu em todas as instâncias. Esta reportagem apurou que a Record não incluiu no contrato nenhuma cláusula especificando que a dívida voltaria a valer caso o contratado fosse embora de novo. Agora, a Record deverá iniciar uma nova ação, e percorrer todos os caminhos judiciais para ganhar outra indenização. 
O problema é que, dessa vez, Datena pode alegar "censura" para justificar o rompimento contratual. Sua chance de vitória é grande.

Outro lance de mestre o apresentador, nesse virtual retorno à Band, é que essa emissora também o aceitará de braços abertos imediatamente perdoando a dívida do rompimento anterior, e ainda pagando a dívida de Datena com a RedeTV! (outro rompimento), estimada em R$ 6 milhões.

Do ponto de vista profissional, trata-se de uma verdadeira jogada de mestre, e mais um capítulo na carreira desse controverso jornalista e apresentador de 53 anos, ribeirão-pretano, e que começou a carreira como radialista e depois como repórter esportivo. 

Comentários